segunda-feira, 18 de junho de 2018

Consolidação da mobilidade intercategorias da trabalhadora - VERGONHA NACIONAL "Sou chefe sem concurso"


Porque algumas pessoas pensam que não leio o DR...

E outras pensam que não toco no assunto porque tenho interesse!

Repito! Estas consolidações são INJUSTAS, ILEGAIS, IMORAIS e não salvaguardam o ESTADO!

Para quem não sabe e está a ler... estão abrir lugares e ocupar lugares para CHEFES SEM CONCURSO, isto é, que eram Assistentes Técnicos, o Diretor decide sem qualquer critério, digo! com  o critério que lhe apetecer, nomea-las temporariamente em regime de mobilidade intercategoria, passam para Coordenador Técnico em regime de substituição (eles até têm vergonha de mencionar nos ofícios a sua posição, até inventam, colocando apenas Coordenador Técnico!)

Estes colegas, estão a consolidar, a ocupar o lugar definitivamente sem qualquer concurso, para toda a vida! 
Mesmo que o Estado não precise dele, vamos ter de lhe pagar sempre como chefe
Aqui pelos vistos não existem excedentários!
E agora estão os colegas a dizerem-me - mas não podemos ficar sem chefe! Nem ficar com um temporário toda a vida - NEM TEM DE FICAR - implementar uma rotação se necessário! Podemos ter elementos com maior valência em determinados períodos e devíamos ter a possibilidade de trocaR!

Dito de outra forma, convém ilustrar isto! Somos donos de uma loja, coloco um funcionário a gerente, a partir desse momento, nunca mais posso tirar o gajo do cargo de gerente! O gajo pode ser uma besta... pode não ser o elemento que melhor me convém... mas tenho de gramar o gajo até ir para a reforma!

Infelizmente... confirma-se o que já tinha alertado no blog.

Isto é tão grande como o tema dos professores... mas ninguém liga!

vamos pagar a uma chefia para toda a vida e conseguiu sem concurso!

SOU CHEFE SEM CONCURSO!



Despacho (extrato) n.º 2018/2018 - Diário da República n.º 40/2018, Série II de 2018-02-26

Nota: Quem se sentir lesado e quiser justificar-se porque concorda com este método, envie texto que eu publico.




18 comentários:

  1. Uma realidade tão transversal na carreira de assistente técnico. No ministério da saúde, colocam-se os contratados a chefiar (não que tenha nada propriamente contra, mas a falta da rotatividade e o desrespeito também a quem tem 3vezes mais tempo de serviço, com vínculo,com competências e conhecimentos. A realidade dos critérios são compadrio) deixa um sentimento de "revolta".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma chefe é melhor por ser de carreira? Sim sou coordenadora tecnica nomeda pelo diretor e sim por mérito .
      Sempre fiz muito trabalho que pertencia ás chefes ditas de carreira que foram passando pelo agrupamento. E agora não mereço consolidar a minha carreira por quê... concurso! Concurso é trabalhar e desempenhar as funções atribuídas com zelo e profissonalismo

      Eliminar
  2. Com que então um ano depois da publicação do famoso artigo 99º-A é que se lembraram de fazer barulho.

    ResponderEliminar
  3. Eu também também gostava de o ser, igualdade e equidade não existe....façam concurso a nível nacional, como foi para os CSAE....sindicatos e geringonças.!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os sindicatos com certeza que não aprovam estas jogadas.... se tiver tempo, leia alguns comunicados de apelo a manif ou greves e verá que os sindicatos exigem abertura de concursos para CT... DAHHH
      Quanto à geringonças, não seja hipócrita... ou acham que são todos iguais??? DAHHH
      Talvez preferisse continuar a levar porrada com a PAF... DAHHHH

      Eliminar
    2. Eu acho que são todos iguais, geringonças ou portugal à frente, talvez tivesse-mos melhor com a PAF, com o PS não está a levar tanta porrada porque as senhoras do BE não deixam....já agora, anexe esses comunicados....

      Eliminar
    3. ""geringonças ou portugal à frente, talvez tivesse-mos melhor com a PAF, com o PS não está a levar tanta porrada porque as senhoras do BE não deixam...""

      Mas então reconhece que estamos melhor...

      Eliminar
  4. Vou-me repetir, mas... lá terá que ser! Vamos lá então, outra vez...

    Vamos então falar desse espécimen que apareceu aqui há uns anos chamado "coordenador técnico". Mas, antes de começar, pergunto se já alguém se deu ao trabalho de ler o artigo 88, no seu ponto n.º 3, da LGTFP? Se a resposta for não, vão lá dar uma espreitadela... aconselho vivamente!!!
    Continuando, desde que os CSAE se começaram a aposentar surgiram esta gente que não vai a concurso, não é sujeita a uma avaliação curricular para fundamentar a sua escolha (como exige a lei 35/2014) e são aleatoriamente escolhidos por uma vontade subjectiva de uma eminencia parda, chame-se ele director ou outra coisa. Conheço uma que está actualmente a desempenhar funções ao abrigo desta figura "deliciosa" da mobilidade. Esta sujeita entrou para a função publica em 2009 a contrato a termo certo (2 anos), em Setembro de 2010 abriu concurso, foi admitida a este quando não preenchia os requisitos constantes dos pontos 4 e 9 do aviso de abertura do concurso (18026/2010, DR 2ª série n.º178 e resultado publicado pelo aviso 26628 DR 2ª série n.º244 de 20/12/2010) e hoje é coordenadora técnica (em mobilidade pois então) porque a directora lhe apeteceu... Que bonito não é?
    Aldrabice atrás de Aldrabice, Ilegalidade atrás de ilegalidade... Viva Portugal mais o Cristiano Ronaldo...
    Simplesmente pornográfico e deprimente!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    2. E se conhecia as ilegalidades no concurso, porque não denunciou?

      Eliminar
    3. ""Aldrabice atrás de Aldrabice, Ilegalidade atrás de ilegalidade... Viva Portugal mais o Cristiano Ronaldo...
      Simplesmente pornográfico e deprimente!" E eu ainda acrescento Viva Portugal, O CR7 e o Marcelo Rebelo de Sousa....

      Eliminar
    4. Meu Caro(a)
      Quando a principal oponente ao concurso, atempadamente alertado para a flagrante ilegalidade, nada quis fazer... acho que não preciso dizer mais nada.
      Não sou fiscal, arauto da legalidade e mais "papista que o papa". O concurso foi PUBLICO! Toda a gente viu, toda a gente sabia, inclusivamente as autoridades competentes. (DREA) Mas, registei e guardei!
      Faço o "mea culpa" em relação ao "goofy" Marcelo.

      ESQUECIMENTO IMPERDOÁVEL

      Eliminar
    5. Caríssimo,
      Nesses casos, nada como denunciar à televisão (TVI? CMTV?), eles agradecem e o caso passa a ser nacional. Talvez assim, os envolvidos, tenham alguma vergonha na cara.

      Eliminar
    6. Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

      Eliminar
  5. No Alentejo profundo a Diretora de Escolas de Vidigueira que diz "Eu é que mando no pessoal não docente", trata os abaixo de cão, a exceção de alguns que oferecem prendas e que têm títulos como nora de ...,entre outros, entrou ilegalmente na Escola, porque o sogro andou a pedinchar. Agora está como coordenadora técnica em mobilidade e só sabe fazer vencimentos que é o que interessa a diretora.

    ResponderEliminar
  6. Meu Caro(a)
    O "core business" desses pseudo-canais informativos de faca e alguidar é outro, tipo sexo, gays, mortes, violência. Violar a lei é "peanuts".
    Aliás, neste país meter no balde do lixo o Princípio da Legalidade é desporto nacional.
    Quem não dá uma boa facada na lei, quem não faz uma boa vigarice, quem não trafica influências para favorecer amigalhaços e escapa incólume, é um atado, um aselha, um burro e, definitivamente, não é bom chefe de família!
    Se até os prejudicados ou se negam ou têm receio (vá-se lá saber porquê) de reclamar!

    Vergonha???

    Miseravelmente, NÃO TEMOS!

    ResponderEliminar


Agradeço o seu contributo com interesse público e de forma séria.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...