quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Estamos num período em que a classe docente quer o seu estatuto de volta

o resto são batatas!

Não estranhem colegas, quando ouvem que os docentes, os sindicatos, os diretores dizem que estão a negociar isto e aquilo com o Ministro da Educação! Primeiro eles vão tratar de vida... e depois se tiverem tempo, vão tentar saber, criando uma comissão qualquer se a questão dos rácios pode ter algum impacto no sucesso do aluno, na questão da violência escolar dos alunos, na questão do desgaste dos trabalhadores da comunidade escolar...


(isto acontece, porque muitos dos meus colegas não gosta de legislação nem de conversar sobre a mesma!)

7 comentários:

  1. Penso que nunca perderam o estatuto...

    Sempre receberam acima da média

    Trabalham 35 semanas por ano

    Entre 22h a 14h por semana

    Semana e meia de pausa no Natal

    3 dias de pausa no Carnaval

    Semana e meia de pausa na Páscoa

    Após as reuniões de avaliação em junho é o que se sabe...

    ResponderEliminar
  2. Caro AT,

    Os docentes fazem pela "sua" vida e, ao contrário de nós, PND, lutam pelo seu "estatuto", têm forte representação sindical porque são sindicalizados e, como é óbvio, estão no seu direito. Claro que, como afirma, deveria dar-se importância ao ensino e aos alunos mas como sabe também, em Portugal, os cidadãos-eleitores-encarregados de educação-pais juntamente com os trabalhadores da educação - PND, na sua maioria são pouco exigentes e não percebem que têm de ser eles a começar/exigir essa "mudança"... Estarei enganado?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ao contrário dos trabalhadores PND que fazem as greves todas que os sindicatos querem e não se passa nada. Não há qualquer alteração nas suas carreiras, nem na progressão. Apenas uma penalização nos seus vencimentos em cada dia de greve. Não deveria ser permitido haver qualquer atualização do salário mínimo nacional (SMN), sem que os restantes escalões subissem proporcionalmente, nem que fossem aqueles que auferem até 1.000€ ou 1.500€ (estes já são muito ricos!). Apenas porque qualquer dia o SMN ultrapassa os vencimentos de qualquer um de nós e ficamos todos nivelados pelo mesmo.
      Os professores sobem de escalão, alguns deles ao fim de 2 anos (5.º?) e nós temos de esperar no mínimo 5??? Onde andam os sindicatos? Distraídos? Continuem a descontar porque eles defendem os vossos interesses...)))))

      Eliminar
    2. O PND faz as greves todas?!? Deve estar a brincar! Concordo com o aumento para quem ganhe até 1000€! Já viu alguma vez o PND lutar como o PD? Onde? Quando? Salvo raras excepções o PND só quer saber de si.... e lutar? que lutem os outros que ganham bem.....

      Eliminar
    3. Os sindicatos não andam distraídos! Leia bem o documento (anexo link para o mesmo), no final da 1ª página. Os trabalhadores é que andam enganados, o que é bastante diferente!
      http://www.stfpcentro.pt/j/images/PDF/2016/PRC2017.pdf

      Eliminar
    4. Os Trabalhadores andam enganados? Eles não se deixam enganar tão fácil como diz. Muitos deles aindam ficam sentados à espera que outros façam greve. Outros nem querem ser sindicalizados, pensam ficar mais pobres sem a cota mensal. Muitos docentes também ficam à espera para ver se o pessoal docente faz greve para não darem aulas nesse dia. Estarei errado? antónio zé

      Eliminar
  3. Na última manif de PD eles meteram mais de 200 mil na rua. Na maioria das manifs da restante FP, nem metade disso se arranja. Se formos ver a percentagem de sindicalizados PD e PND, está tudo explicado.

    ResponderEliminar


Agradeço o seu contributo com interesse público e de forma séria.

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...